A Comissão Nacional da UNESCO, através da Secretaria Geral da Presidência do Conselho de Ministros, atribuiu à reportagem “Encalhados no Quintal da Europa”da jornalista Catarina Santos, da Renascença, uma menção honrosa no Prémio de Jornalismo Direitos Humanos & Integração, na categoria Rádio.

 

"Encalhados no Quinta da Europa" é um trabalho assinado pela jornalista Catarina Santos, enviada à Grécia em 2016 para reportar a situação de migrantes e refugiados retidos na ilha de Lesbos e em Atenas, depois da entrada em vigor do acordo da União Europeia com a Turquia, que determinava a deportação de migrantes.

 

Conta ainda com o trabalho gráfico e de pós-produção de Rodrigo Machado, coordenação de Maria João Cunha e Pedro Rios, desenvolvimento de Tânia Barreira e produção web de Luís Alves.

 

A reportagem “Encalhados no Quintal da Europa” já tinha sido distinguida, em junho, com o primeiro lugar da categoria rádio, do prémio europeu "Migration Media Award" e o ano passado, em novembro de 2016, ganhou os Prémios Obciber, da Universidade do Porto na categoria Reportagem Multimédia.

 

“Calar, nunca!”, da jornalista Ana Maria Ramos Aranha, da Antena 1, foi o vencedor na categoria Rádio.

f
Copyright © 2018 diocese-vilareal.pt - xsDesign by Hostgator